LO01 ANIMA SIMBOLO BAUHINIA-12.png

PROJETO LUAS  

Sobre o Projeto:

O projeto foi desenvolvido por mulheres jovens engajadas nas questões sociais da nossa comunidade. Para nós é preciso identificar os problemas, unir forças e lutar juntas para que mais pessoas tenham acesso a uma menstruação digna e segura. Nosso diferencial é acolher pessoas e pensar em ciclos sustentáveis através de alternativas de absorventes que geram menos lixo que cada pessoa possa fazer o seu.

WhatsApp Image 2022-03-14 at 17.31.53.jpeg

A execução do projeto está ocorrendo em 3 etapas:

Etapa 1: Criação dos materiais de comunicação e compra dos tecidos para fazer os absorventes de pano.

Etapa 2: Criação do cronograma junto com as  instituições parceiras para marcar as rodas de conversa sobre o assunto e fazer a contratação de costureiras assistidas pelas instituições.

Etapa 3-  Realização dos encontros e rodas de conversa e distribuição dos absorventes e dos materiais de comunicação (posts nas redes sociais, vídeos e folhetos).

LO01 ANIMA ICONES BAUHINIA_AREAS DE ATUA
LO01 ANIMA ICONES BAUHINIA_AREAS DE ATUA
LO01 ANIMA ICONES BAUHINIA_AREAS DE ATUA

Resultados:

 

  • Mobilizamos 280 doadores e captamos 30mil reais na Campanha Todo Cuidado Conta

  • Contratamos 16 costureiras periféricas para costurar 1000 absorventes de pano.

  • Disponibilizamos 1000 absorventes sustentáveis ara mulheres em áreas periféricas

  • Serão doados 1000 absorventes descartáveis para mulheres em situação de rua.

 

  • Estão acontecendo 8 encontros em escolas, centros de cidadania da mulher e Grupos Escoteiros para  falar sobre autocuidado, higiene e sustentabilidade na menstruação.

  • Criamos materiais de comunicação para replicar informações sobre: saúde e higiene menstrual, descarte de absorventes, como fazer e cuidar de absorventes de pano.

todo cuidado.PNG

O projeto Luas surgiu dentro de um grupo formado por três jovens participantes do programa “Jovens pela Sustentabilidade”, Gabi, Ana e Lívia, junto com a nossa equipe que é 100% formada por mulheres.

A tecnologia usada para os absorventes foi desenvolvida pela artesã Bibi Banzatto, e estilista Camila Cavalcante. 

O projeto também teve a parceria com os Centros de Cidadania da Mulher Capela do Socorro e Santo Amaro, a Ong HeraArtemis Sul e o Grupo Escoteiro Almirante Tamandaré.